Zona Azul de Brás Cubas poderá ser usada para o drive-thru

Permissão vale para a rua Doutor Deodato Wertheimer a partir de amanhã

A partir desta quarta-feira a Zona Azul da rua Doutor Deodato Wertheimer, em Brás Cubas, estará liberada para o drive-thru do comércio. A medida segue o modelo implementado na rua Barão de Jaceguai. O uso das vagas de carga e descarga de toda cidade também foi permitido para o serviço de retirada das compras.

No caso do estacionamento rotativo, os veículos poderão ficar estacionados gratuitamente pelo período de 10 minutos com o pisca alerta ligado. As medidas atendem o pedido da Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC) para a flexibilização dos bolsões de drive-thru, que funcionam nas ruas Paulo Frontin, Doutor Deodato Wertheimer e Professor Flaviano de Melo.

A entidade ressalta que muitas ruas, especialmente no centro, não contam com estrutura para receber os bolsões. Além disso, muitos comerciantes teriam que se deslocar para fazer as entregas.

O serviço de drive-thru deve ser usado pelos comércios não essenciais, como lojas de rua, shopping, restaurantes, bares e lojas de material de construção, que até dia 30 de março não podem receber pessoalmente os clientes. O atendimento de retirada com veículo está liberado entre às 5h e 20h.

Estabelecimentos essenciais, como supermercados, padarias e farmácias também podem oferecer o atendimento para reduzir o contato entre colaboradores e clientes.

Para fornecer o drive-thru, os comerciantes devem disponibilizar canais de atendimento, como WhatsApp, telefone ou redes sociais. Após receber o pedido, é preciso combinar um horário e local para a retirada das compras, separar os itens, embalar e preparar a entrega. É importante o uso de máscara e a higienização das mãos. Os itens devem ser entregues no veículo do cliente sem que ele saia do carro.

O vice-presidente da ACMC, Roberto Assi, ressalta que a associação tem buscado soluções para que o comerciante consiga passar por esta fase difícil. “Estamos em contato com a Prefeitura e as outras entidades pleiteando ações para minimizar os impactos das medidas mais restritivas do Plano São Paulo. Nosso pedido é que todas as vagas de Zona Azul da cidade possam ser usadas para o drive-thru”, afirma.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

pt_BRPortuguese