Formulário de Consulta

Pessoa Jurídica / Pessoa Física

CÓDIGO:    SENHA:   
(Acesso restrito)

  • Imagem
  • Imagem
  • Imagem
  • Imagem
  • Imagem
Rua Barão de Jaceguai, 674 - Centro - Mogi das Cruzes/SP - (11) 4728-4300 |

Inadimplência em Mogi alcança R$ 14,5 milhões

Cidade entra em 2018 com cerca de  17 mil consumidores inadimplentes, sendo dados do SCPC/ACMC

 

Balanço do Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) da Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC) revela que a Cidade encerrou o ano de 2017 com um saldo de aproximadamente 17 mil consumidores com restrições de crédito e uma dívida de R$ 14,6 milhões. O total de inadimplentes corresponde a 3,9% da população da Cidade.

As estatísticas revelam, ainda, que Mogi das Cruzes acumula hoje 21,8 mil dívidas em aberto (o número de pessoas é menor porque ela pode ter mais de um débito inscrito), sendo que deste total, cerca de 8,4 mil foram incluídas no SCPC no decorrer do ano passado – as demais são de períodos anteriores, sendo que o cadastro fica ativo por um período de cinco anos.

Os dados revelam que o saldo da inadimplência retraiu 0,7% em relação ao mesmo período de 2016. “Nós tivemos um melhor desempenho no segundo semestre de 2017, com um volume maior de exclusões que está relacionado à melhora da economia nacional com a criação de alguns empregos e mais dinheiro em circulação, em decorrência, entre outras coisas, do pagamento das contas inativas do FGTS. Ainda assim, o saldo da inadimplência é alto e compromete a atividade empresarial porque é um volume grande de dinheiro que poderia estar em circulação”, observa Marco Zatsuga, presidente da ACMC, ao ressaltar que em 2018 deverá registrar uma alteração significativa no banco de dados, já que com o fim da obrigatoriedade do AR (Aviso de Inadimplência), um volume maior de devedores deverão ter os nomes incluídos no SCPC.

No SCPC, os comerciantes contam com alguns serviços e ferramentas especializadas para a recuperação de débitos e também para melhor identificar os consumidores com maior potencial de crédito, reduzindo assim os riscos de vendas que vão cair na inadimplência.

Além disso, a ACMC conta com um balcão de atendimento que funciona de segunda a sexta-feira, das 8 às 18 horas, onde o consumidor pode consultar a sua condição de crédito, o estabelecimento credor e ser orientada para negociar suas dívidas. O serviço funciona na Rua Cel. Souza Franco, 653, no Centro.


CERTIFICADO DIGITAL

PROE

Imagem
PARCEIROS

CLIMA



REDE SOCIAL

DIÁRIO DO COMÉRCIO

Associação Comercial de Mogi das Cruzes
Rua Barão de Jaceguai, 674 - Centro - Mogi das Cruzes/SP
acmc@acmc.com.br

Logo